Tel Somente Vendas

(011) 2122-0204

Deseja mudar sua região?

Blog

Dia Mundial de Conscientização da Doença de Alzheimer

Dia Mundial de Conscientização da Doença de Alzheimer

Hoje, dia 21 de Setembro é a data escolhida para conscientizar a sociedade sobre a importância  da prevenção, diagnósticos precoce, cuidados e suporte aos familiares e cuidadores de pessoas que sofrem do mal de Alzheimer. Apesar de ser uma doença muito comum, pouco se sabe sobre os sintomas, estágios  e possíveis fatores de risco.

 

Você sabe o que é Alzheimer?

A doença de Alzheimer (DA), se manifesta pela deterioração cognitiva e da memória. É um transtorno neurodegenerativo progressivo que compromete as atividades da vida diária, acarretando variedades de sintomas neuropsiquiátricos e alterações comportamentais.

 

O que causa o transtorno de Alzheimer?

A causa ainda é desconhecida, porém, acredita-se que seja geneticamente determinada. Esta doença é a forma mais comum de demência neurodegenerativa em idosos e responsável por mais da metade dos casos de demência da população. Ela se instala quando o processamento de  proteínas do sistema nervoso central começa a dar errado. Sendo assim, surgem fragmentos mal cortados, tóxicos dentro dos neurônios e nos espaços entre eles. Em consequência, ocorre a perda progressiva de memória e o córtex cerebral, essencial para linguagem, raciocínio, memória, reconhecimentos de estímulos sensoriais e pensamento abstrato. 

Alguns fatores de risco para o Alzheimer são:

  • A idade e o histórico familiar: em relação a demência, é provável que haja  algum familiar que já sofreu do mal de Alzheimer.
  • Baixo nível de escolaridade: pessoas com maior nível de escolaridade geralmente executam atividades intelectuais mais complexas, que oferecem uma maior quantidade de estímulos cerebrais.

 

Os Sintomas 

O principal sintoma é a perda de memória, característico da doença. Com a progressão da doença, aparecem outros sintomas mais graves como:

  • Perda de memória remota (de fatos mais antigos);
  • Irritabilidade, agressividade e passividade;
  • Falha na linguagem;
  • Prejuízo na capacidade de orientar no espaço e no tempo;
  • Falta de memória nos acontecimentos recentes;
  • Repetição de perguntas;
  • Dificuldade na conversação e pensamentos complexos;
  • Incapacidade de elaborar estratégias e resolução de problemas;
  • Dificuldade para dirigir e encontrar caminhos conhecidos;
  • Dificuldade de se expressar;
  • Tendência a isolar;
  • Interpretações errôneas de estímulos visuais e auditivo

 

O estágios do Mal de Alzheimer

A doença costuma evoluir para vários estágios de forma lenta, porém, constante. Não há como parar a doença. A partir do diagnóstico, a sobrevida do paciente é de 8 a 10 anos. O quadro clínico é dividido em estágios:

  1. Inicial: Alterações na memória, personalidade, habilidades visuais e espaciais.
  2. Moderada: Dificuldade para se comunicar, realizar tarefas simples, coordenar movimentos. Agitação e insônia. 
  3. Grave: Resistência à execução de tarefas diárias, incontinência urinária e fecal. Dificuldade para comer e dificuldade motoras progressiva. 
  4. Terminal: Restrição ao leito. Mutismo. Dor na deglutição e infecções intercorrentes.

IMPORTANTE: Nos casos mais graves do Alzheimer, a perda da capacidade das tarefas cotidianas também aparece, resultando em completa dependência da pessoa. A doença pode vir ainda acompanhada de depressão, ansiedade e apatia.

 

A Prevenção

A doença ainda não possui uma prevenção específica, porém, os médicos acreditam que manter a cabeça ativa e com vida social, bons hábitos e estilo, retardando ou até inibindo a manifestação da doença. 

Alguns hábitos para a prevenção, não só do Alzheimer como também de diabetes, câncer e hipertensão, são:

  • Não Fumar e não consumir bebidas alcoólicas;
  • Praticar matemática, como por exemplo, exercícios de aritmética;
  • Jogos que estimulam o QI;
  • Alimentação saudável;
  • Prática de exercícios;
  • Atividades em grupo.

 

O diagnóstico

Para ter um diagnóstico, é necessário marcar uma consulta com o Psiquiatra Geriatra ou um neurologista especializado na tratamento da Doença de Alzheimer, ele quem irá rastrear a doença. O rastreamento inicial deve incluir avaliação de depressão e exames de laboratório com ênfase especial na função da tireóide e nos níveis de vitamina B12 no sangue. Exames físicos e neurológicos cuidadosos acompanhados de avaliação do estado mental para identificar os déficits de memória, de linguagem, além de visoespaciais, que é a percepção de espaço.

Uma vez que o diagnóstico é realizado de forma precoce, o tratamento adequado e em tempo oportuno é fundamental para possibilitar o alívio dos sintomas e a estabilização ou retardo da progressão da doença.

 

O tratamento

O tratamento é medicamentoso, os pacientes de a opção de escolher medicamentos capazes de minimizar os distúrbios da doença.

No Brasil, o SUS (Sistema de Único de Saúde) é referência no tratamento multidisciplinar, integral e gratuito aos pacientes, além de disponibilizar medicamentos que retardam a evolução do sintomas.

As pessoas com Alzheimer devem ocorrer em tempo integral, seja com cuidadores, enfermeiras, profissionais ou familiares, encarregando-se da alimentação, ambiente e aspectos para elevar a qualidade de vida.




Fonte - https://saude.gov.br/saude-de-a-z/alzheimer#:~:text=Alzheimer%20%C3%A9%20uma%20doen%C3%A7a%20neurodegenerativa,agravam%20ao%20longo%20do%20tempo.

Dia do psicólogo: a importância de cuidar de sua saúde mental antes de chegar a estados extremos

Dia do psicólogo: a importância de cuidar de sua saúde mental antes de chegar a estados extremos

Você já passou por situação onde reagiu de forma diferente do que se tivesse com estabilidade emocional? Se passou por isso e teve a oportunidade de ser atendido por um profissional, você já sabe a importância do psicólogo.

Esse artigo, em especial no dia do psicólogo, é para aqueles que não sabem a importância deste profissional.

 

 O papel do psicólogo

O papel do psicólogo é utilizar essa ciência para conduzir uma pessoa à autodescoberta, à compreensão sobre as suas dificuldades e a forma com que se relaciona com o seu “mundo interior” e exterior. No momento atual, é perceptível a necessidade da inserção do psicólogo na sociedade, uma vez que o ambiente de trabalho, a desenfreada busca por produtividade e o caos da organização urbana têm ocasionado o aparecimento de doenças emocionais e distúrbios no comportamento humano.

 

Ninguém é tão equilibrado quanto acredita ser

Todo seu equilíbrio para tomar decisões e não se deixar levar pelas pressões diárias pode ser apenas uma ilusão e na verdade fazer parte de um processo autodestrutivo que ao poucos, vai minando sua autoestima e quando essa “bomba” explode, se torna um grave transtorno psicológico. 

Há pessoas que parecem extremamente fortes, mas de uma hora para outra, “desmorona” e encontra grande dificuldade para se reerguer. É exatamente aí que mora o perigo! As pessoas só procuram um psicólogo após sofrer grandes traumas, quando o problema já está grave e como sempre falamos por aqui “a prevenção é sempre o melhor remédio”. É necessário cuidar para que não se chegue a estados extremos com grandes transtornos. O desconhecimento e o receio de procurar por um tratamento psicológico impedem o que na verdade, poderia contribuir significativamente para o aumento da sua saúde mental e qualidade de vida.

 

O tratamento será baseado em você e nas suas necessidades

Cada pessoa tem suas próprias características, visões e modos de lidar. Somos diferentes um dos outros, lidamos de forma diferentes com o mundo e é exatamente isso que determina a forma como iremos lidar com fatores externos e como isso irá nos afetar.

Um mesmo ambiente pode desencadear diferentes reações e abordagens, focando estritamente em como nos sentimos em relação a elas.  O seu emocional será o foco, é ele quem será trabalhado. Não importa o que aconteceu: o que importa é como você lidou com isso, quais as suas reações, o que ocasionou em você.

Ao contrário do que muitos pensam, o psicólogo não terá todas as respostas, na verdade ele não terá resposta alguma. Ele irá te ajudar a encontrar soluções que virão de dentro de você mesmo.

A importância do psicólogo não tem prazo de validade

Ir ao psicólogo não é como ir tratar uma dor ou doença física, onde há um período de tratamento, alguns medicamentos e pronto, está curado! Na verdade, em relação ao nosso psicológico, nunca estamos totalmente curados emocionalmente, afinal, sempre teremos pequenas angústias que poderão ser discutidas em terapia e solucionadas enquanto são pequenas. “Ah, então eu nunca terei alta do psicólogo?”, sim, terá alta. Os psicólogos podem dar alta ao paciente quando percebem que o mesmo já não se sente tão angustiado, mas é necessário sempre manter-se em constante contato com a psicoterapia. Ela fará com que você não se deixe afetar fácil com fatores externos do dia a dia e se torne uma pessoa mais equilibrada e feliz!

Apoiamos a causa!

A Nipomed trabalha a ideia de que a prevenção é sempre o melhor remédio e na psicologia isso se torna ainda mais verídico. É importante tratar nossas angústias em psicoterapias, afinal, uma mente saudável é fundamental para o bem-estar de qualquer indivíduo.

O diferencial de um sistema de saúde

O diferencial de um sistema de saúde

Já pensou o que você pode economizar por ano se deixar de pagar mensalidades altas do seu plano de saúde? 

A Nipomed, não é plano de saúde, tampouco cartão de desconto,  é um sistema moderno pois visa a sua economia e saúde: ele é justo com você e sua família. Com a Nipomed você só paga pela tabela de convênio quando utiliza, livre de mensalidades e com uso ilimitado, independente da idade. Não importa se for criança, adolescente, adulto ou idoso. O valor é o mesmo!

 

A importância da prevenção

Encorajamos sempre a realização de exames preventivos, inclusive Check-up, que em alguns planos de saúde convencionais têm restrição, pois a prevenção será sempre o remédio mais eficaz. 

O Sistema de Saúde Nipomed foi baseado no sistema de saúde do Japão, onde não pode tem carência e também não pode ser negado o tratamento de doenças pré-existentes. Devido ao baixo custo com a saúde, cada pessoa japonesa vai ao médico em média 14 vezes por ano, atendidos nos dias que preferirem e consequentemente acabam obtendo mais cuidados preventivos e exames com mais frequência.  

A Nipomed trás essa vertente, a prevenção e a economia, proporcionando ao associado bem-estar e qualidade de vida. Contamos com uma ampla rede de profissionais qualificados  credenciados nas principais cidades de São Paulo. Nossos associados pagam diretamente ao profissional, sem intermediação, de acordo com uma tabela pré-estabelecida entre o recurso credenciado e a Nipomed. Para estabelecer tais valores, as negociações entre a Nipomed e seus Recursos Credenciados baseiam-se nas tabelas de convênios da rede de profissionais de atividade médica, hospitalar, odontológica, exames complementares, serviços auxiliares e afins. 

  • 1
  • 2

Acompanhe nossos boletins

© 1977- 2020 - Nipomed - Sistema de Saúde - Todos direitos reservados.
Horário de Atendimento: Seg. a sex. das 09:00 às 18:00 - Sáb. das 09:00 às 13:00
NIPOMED - Cuidando de você e de sua família.